HOME  /   BLOG

Como usar a roda da vida

A Roda da vida é uma ferramenta muito usada por Coaches e Psicólogos. Ela ajuda a planejar a sua vida de uma forma objetiva e estruturada. É possível encontrar vários modelos, mas essa que eu uso com meus pacientes e coachees é uma roda da vida integral que analisa doze áreas da sua vida, o que corresponde a praticamente todas as áreas da vida de uma pessoa.

O primeiro quadrante está relacionado à PROSPERIDADE de uma pessoa, nele estão as áreas de:

 SAÚDE e IMAGEM PESSOAL – é preciso avaliar essas duas áreas separadamente, pois são igualmente importantes. De zero a dez, qual nota você dá para cada uma delas? O que precisa ser feito para que você chegue ao dez que é completamente satisfeito com a sua saúde e com a sua aparência. Agora é só traçar uma meta, onde quer chegar, e cumprir a risca.

DINHEIRO e RECURSOS – Dinheiro é quanto você realmente ganha e recursos são as formas que você conquista as coisas, pode ser na forma de presente ou renda passiva (como um aluguel que recebe). O dinheiro vem de várias formas até nós, quanto mais jeitos você ganhar dinheiro melhor. Avalie e planeje o que deseja.

TRABALHO – Qual é a sua função no mundo? Como colabora para a sociedade? O que gosta de fazer, faz bem e ainda ganha dinheiro com isso. Se seu trabalho não for assim, então você não está trabalhando, apenas está tendo uma fonte de renda. É no trabalho que passamos a maioria das nossas horas acordados, é onde ganhamos dinheiro para realizar o que queremos, ou pelo menos sobreviver. Então é importante que essa ocupação seja prazerosa e fonte de autoreconhecimento.

 

O segundo quadrante está relacionado à FELICIDADE de uma pessoa, nele estão as áreas de:

AMOR E SEXO – Bons relacionamentos amorosos são responsáveis por 80% da alegria de uma pessoa, que gosta de ter relacionamentos, não está incluído quem gosta de ficar sozinho. Então é muito importante avaliar a qualidade da sua relação. Não se deve ficar com alguém por comodismo, pena, medo de ficar sozinho, ou qualquer outra coisa que não seja amor, parceria, cumplicidade e paixão.

FAMÍLIA E FILHOS – É importante separar a avaliação da relação do casal da relação com os filhos e o resto da família, pois jamais se deve ficar casado com alguém apenas por que tem filhos com aquela pessoa. A vida passa, os filhos crescem, saem de casa e o que sobrou da sua vida? Esse quadro é muito comum e geralmente as pessoas se arrependem de ter ficado tanto tempo com a pessoa errada. A avaliação aqui é apenas na relação com seus pais, seus filhos, seus irmãos, tios, primos.

AMIGOS E VIDA SOCIAL – Seres humanos não nasceram para viver sozinhos, quem muito deseja ficar sozinho é quem tem medo de ser rejeitado e quem mais deseja amor e atenção dos outros, digo isso por experiência profissional. Por isso é importante conhecer pessoas e cultivar amizades.

 

O terceiro quadrante está relacionado à CULTURA de uma pessoa, nele estão as áreas de:

APRENDIZADOS – É muito importante sempre estar em movimento, aprendendo algo novo, isso te torna alguém mais interessante até para você mesmo.

ARTES E VIAGENS – A arte é a expressão do inconsciente, é sentir algo abstrato e interpretar o sentimento que lhe causou, você está em contato com alguma forma de arte? As viagens que fazemos são formas de arte, é entrar em contato com uma nova cultura e perceber quais são seus sentimentos em relação a cada situação vivida. São formas de entrar em contato com o que lhe é mais íntimo, sentimentos que muitas vezes não percebemos.

COMUNICAÇÃO – A falta de comunicação, ou o jeito como se comunica, é responsável pela maioria dos conflitos nos relacionamentos.  Você está sendo claro no que diz? Nada é obvio, tudo precisa ser explicado.

 

O quarto e ultimo quadrante está relacionado à LIBERDADE de uma pessoa, são as áreas em que as pessoas menos pensam ou se dedicam, mas são áreas importantíssimas, nele estão as áreas de:

DESENVOLVIMENTO PESSOAL – Podemos dizer também que é a área do desenvolvimento espiritual, é saber para que você nasceu, qual a sua missão nessa vida, qual é a sua melhor versão e buscar sempre estar evoluindo. Você é alguém melhor do que há cinco anos?

FILANTROPIA – Fazer o bem para alguém, fazer a diferença na vida das pessoas, ajudar, ser útil. Não estamos apenas falando de doar dinheiro para instituições de caridade, é fazer o bem para alguém da forma que você puder e quiser.

LEGADO – O que as pessoas falarão de você quando você morrer, o que vai deixar nesse mundo, o que deixará para as próximas gerações?

 

Avalie de 0 à 10 qual nota você dá para cada área da sua vida, pense em todas elas e busque melhorar sempre em todas. Não precisa ser nota 10 em tudo, mas é importante que tenha equilíbrio entre todas elas.

Receba GRATUITAMENTE a minha Newsletter para te inspirar a ter uma vida consciente!

Junte-se a várias pessoas para receber dicas exclusivas direto da Luiza