HOME  /   BLOG

Desencontros

 

Quando você trata uma pessoa com amor, não espere um amor reciproco. A maioria das pessoas estão presas na busca pelo reconhecimento, aprovação e aceitação. Se você ama uma pessoa e a aceita como ela é você interrompe essa busca e tira o sentido. Ela não aceita que foi aceita, ela precisa provar que consegue conquistar o amor de alguém e toda luta exige esforço para ser valorizada. E por isso ama quem a trata mal, e quanto pior, melhor. Assim a busca voltar a fazer sentido. E o sofrimento é a recompensa. O reforço intermitente, um pouco de atenção que vem, não se sabe quando, faz o vicio prevalecer sobre o amor. E então não era amor, era uma batalha do ego.

 

 Luiza Franco

Receba GRATUITAMENTE a minha Newsletter para te inspirar a ter uma vida consciente!

Junte-se a várias pessoas para receber dicas exclusivas direto da Luiza