HOME  /   BLOG

O que te faz ser próspero

O que faz uma pessoa competente, esforçada, inteligente, não ser próspera? Não ter sucesso no trabalho e não ter um bom rendimento?

Quando isso acontece, é natural que as pessoas sintam-se frustradas e injustiçadas, procuram um culpado, alguma explicação.

O que geralmente acontece nesses casos, é que pessoas assim não tem uma base sólida, ou seja, dentro delas não há estrutura emocional.

Não adianta a parte racional e intelectual estar ótima, pois isso é apenas uma pequena parte. Não podemos negar a existência do inconsciente e que é essa parte de nós que sustenta nossa vida e nos faz tomar as decisões que tomamos. Nossa vida é regida pelas nossas crenças e emoções, se elas forem negativas não adianta saber tudo sobre um determinado assunto e achar que isso basta, você simplesmente não terá o resultado desejado.

Se você tem crenças limitantes e emoções negativas você provavelmente está se autossabotando e acredito que não está perto de onde gostaria de estar.

O cérebro é uma máquina, como um computador, se você colocar muitas coisas negativas ele entenderá que você quer ter uma vida negativa e fará de tudo para que assim seja. Se você tiver crenças limitantes, acreditar que não pode isso ou aquilo, que não é capaz, você realmente não será, pois está programando seu cérebro para tomar decisões que façam isso acontecer.

Preste atenção como você se posiciona no mundo, com as pessoas, com os acontecimentos. Quais são seus pensamentos recorrentes? Qual é a primeira coisa que você pensa quando algum de seus planos não da certo?

Se você não conseguir perceber o que está fazendo de errado, não se apavore e nem desista, não é o tipo de coisa que se percebe com facilidade, exige autoconhecimento, amadurecimento e humildade.

Se você não costuma cuidar do seu lado emocional, não se preocupa em ter autoconhecimento, se não se aceita e não se assume como de fato é. Se está com problemas de autoestima, provavelmente você está caindo ou cairá em alguma armadilha que está preparando.

Como resolver???

Primeiro é preciso desenvolver o autoconhecimento, se conhecer melhor, saber seus pontos fortes e suas debilidades. Conhecer todas as suas emoções negativas e o que as trás a tona. Saber identificar todas as suas crenças e pensamentos limitantes.

Depois que você identifica-las facilmente, você poderá começar a combatê-las.

O que são crenças limitantes?

O que você pensa sobre o dinheiro? Que não nasce em árvore? Que é difícil de ganhá-lo? Que precisa trabalhar muito e se esforçar muito para ganhar dinheiro? Você acha difícil ficar rico? Impossível ficar milionário? Você acha dinheiro algo sujo? Acredita que apenas pessoas desonestas e exploradoras enriquecem?

Quando você tem qualquer um desses pensamentos como verdade, isso é uma crença limitante. Ao pensar nessas coisas automaticamente você diz ao seu inconsciente que isso é verdade e então você se coloca em papel de vítima e programa seu cérebro para a autossabotagem, você faz escolhas sem perceber que vão fazer tudo o que você acredita ser real, é a sua realidade.

Se você tiver uma visão negativa sobre o dinheiro, uma parte de você vai querer ganhar dinheiro e a outra parte irá te “proteger” de ganhar dinheiro. Ninguém fica rico se acreditar que dinheiro não trás felicidade, que é pecado esbanjar, que é algo sujo, ou que é perigoso.

Você precisa domar seus pensamentos a seu favor… Como? Fazendo terapia. Você pode aprender alguma língua estrangeira sozinho, ou pode ter um professor, qual é o mais fácil?

Receba GRATUITAMENTE a minha Newsletter para te inspirar a ter uma vida consciente!

Junte-se a várias pessoas para receber dicas exclusivas direto da Luiza