Por que não eu

Com a preguiça de um feriado chuvoso, me joguei no sofá e comecei a olhar fotos aleatórias no celular. Entre uma e outra, aquela me chamou a atenção. Refletia absolutamente tudo o que faz sentido pra mim.

E com uma ingenuidade infantil senti que aquela vida era perfeita. Projetei todos os meus sonhos naquela moça que eu nem conhecia. Ela me pareceu tão familiar, senti que olhava em um espelho de “Erised”, um espelho que reflete não a imagem da pessoa, mas seu desejo mais profundo. Tudo fez sentido, estava lá tudo o que eu sempre quis.

Ei universo, essas coisas eram pra mim. Quem é encarregado por essa parte de entrega de desejos? Aconteceu algum erro aí, quero fazer uma reclamação.

Pois é… E quando seus sonhos se realizam na porta ao lado?

E quando você vê alguém com a vida dos seus sonhos? Cada particularidade de tudo aquilo que você sonhou. Parece tão fácil ter autoconhecimento nesse momento. Você se identifica com cada detalhe, coisas que você nunca havia reparado em si mesma, estão lá. A forma de se vestir, de andar, de sorrir, de ser, o trabalho, os amigos, a casa. Tudo era exatamente igual ao meu sonho.

Foi aí que eu percebi dois caminhos claros na minha frente, poderia seguir pelo caminho do bem, ou pelo caminho do mal. Um me levaria a minha realização e outro a minha derrota. Estava cara a cara com a admiração e a inveja. Então me lembrei de Oscar Wilde que falava que era fácil encontrar pessoas dispostas a se compadecer de nossas provações, mas difícil mesmo eram aquelas pessoas que se alegram sinceramente com nossos triunfos. Comecei a rir e me senti humana.

Quando isso te acontecer não se engane, é apenas seu ego fazendo uma brincadeira com você. Aproveite essa ótima oportunidade para se inspirar e seguir seus sonhos de uma forma mais clara. Resista a qualquer drama que venha em seus pensamentos, não reclame da vida, siga em frente de uma forma mais consciente e concreta, afinal está tudo ali na sua cara. O que eu estava fazendo enquanto ela estava realizando os meus sonhos?

Mas porque isso acontece?

Isso é coisa do nosso inconsciente, cada um tem o que acha que merece. Estamos entre boicotes e sucessos. Tudo está em perfeita sincronia com nosso inconsciente. Funciona assim, temos desejos, mas temos medos, quem ganha? Quem for mais forte. A ferramenta principal é o autoconhecimento, saber o que queremos e saber o que pode nos atrapalhar. Então, enfrentamos nossos medos e bolamos um plano estratégico rumo ao nosso sonho. É mais fácil do que parece, temos muita ajuda pelo caminho, só precisamos saber reconhecer.

Fiquei mais um tempo contemplando minhas realizações, na vida dela, olhava com gratidão pela oportunidade de ver tudo tão claro e possível. Então levantei do sofá e fui realizar meus sonhos.

Créditos: Monica Benini

Créditos: Monica Benini

Receba GRATUITAMENTE a minha Newsletter para te inspirar a ter uma vida consciente!

Junte-se a várias pessoas para receber dicas exclusivas direto da Luiza